Microlearning: o que é, qual a importância e como implementar na empresa?

6 minutos para ler

 

Nos últimos anos, o conceito de microlearning ganhou muita importância e está conquistando cada vez mais espaço em negócios de diferentes nichos. No entanto, os maiores benefícios dessa estratégia são percebidos em projetos educacionais corporativos devido à possibilidade de otimização do aprendizado em cursos e treinamentos.

Tendo isso em vista, vamos abordar um pouco mais sobre a relevância do microlearning para impulsionar as práticas de treinamento e de desenvolvimento das equipes. Veja como implementar essa ferramenta e dinamizar a rotina dos projetos de EAD tanto na área educacional quanto nas empresas. Acompanhe!

 

O que é microlearning?

 

O microlearning é uma forma mais simples e prática de passar conhecimento em blocos menores de conteúdos para facilitar a aprendizagem. Tal ferramenta está revolucionando o ensino online, principalmente porque é uma metodologia de fácil entendimento e centrada em um único objetivo.

Em síntese, o objetivo desse método de ensino é estimular o engajamento dos funcionários e motivá-los ao envolvimento com as estratégias de treinamento oferecidas pela instituição. Por meio desse modelo de ensino, é possível facilitar a assimilação do material ao oferecer quantidades mais reduzidas de conteúdos educacionais.

 

Qual a importância do microlearning para as organizações? 

 

O microlearning objetiva maximizar o conhecimento ao promover a melhor compreensão por meio de conteúdos menores e voltados para o interesse da pessoa. Outra vantagem é a possibilidade de acessar apenas os tópicos mais importantes, o que ajuda a ganhar tempo ao excluir conteúdos que já aprenderam.

A utilização dessa estratégia contribui bastante para a efetividade do aprendizado, já que isso pode ser feito de maneira planejada e direcionada para atender as necessidades do público-alvo. Nos setores educacionais, a instituição pode focar nos assuntos mais interessantes e organizá-los de modo mais flexível para não consumir tanto tempo dos estudantes.

No universo corporativo, essa metodologia permite aprimorar os treinamentos e otimizar o tempo dos colaboradores de suas atividades de rotina. Tais práticas favorecem o engajamento dos empregados na empresa e os incentiva à adesão das dinâmicas de capacitação e de atualização.

Assim, essa excelente estratégia de disseminação do conhecimento, em módulos divididos em multiformatos, está cada vez mais inserida na emergente economia 4.0. O microlearning desponta como uma alternativa eficaz, moderna e que oferece soluções rápidas e flexíveis.

Entre os principais benefícios do microlearning destacam-se:

 

  • treinamento interno de equipes;
  • aumento do engajamento e da produtividade;
  • maior flexibilidade para os alunos de cursos EAD;
  • consolidação e melhoria dos processos educacionais;
  • qualificação dos colaboradores com vistas à excelência nos resultados das empresas.

 

Como implementar o microlearning em sua empresa?

 

Primeiramente, vamos explicar os tipos de conteúdos em que você pode explorar os benefícios dessa ferramenta. Confira!

 

Conteúdos de contextualização

 

Os conteúdos considerados de contextualização são aqueles que você pode explorar para explanar um tema de modo geral, quando não for necessário se aprofundar. Um exemplo prático é quando você precisa explicar para a sua equipe financeira alguns conceitos importantes, mas sem muitos detalhes.

Obviamente, o público desse treinamento não precisa saber cada detalhe que envolve a execução dessas atividades, mas apenas o básico para entender o seu funcionamento, concorda? Nesse caso, é possível oferecer um vídeo ou uma live com, no máximo, três minutos para passar as informações necessárias.

 

Conteúdos de conexão

 

Esse é um modelo muito adotado em circunstâncias em que é necessário abordar temas de conhecimento geral. Porém, os conteúdos de conexão são aqueles inseridos em alguma etapa intermediária para melhorar o entendimento do que será ensinado.

Uma situação hipotética seria quando uma empresa está atualizando o time sobre novas tendências de mercado, mas os colaboradores não conhecem os termos técnicos exigidos neste conteúdo. Então, o curso será complementado com a definição de cada conceito que poderá facilitar o entendimento do tema.

 

E na prática, como explorar o microlearning?

 

Para que a sua empresa ou unidade escolar desfrute de mais vantagens do microlearning, o ideal é ficar atento a alguns pontos. Um dos aspectos cruciais se refere ao planejamento, quesito primordial à construção de um programa de microlearning com mais qualidade e eficiência.

Além do mais, também é importante priorizar um planejamento cuidadoso e uma análise das prioridades antes de você implementar as metodologias do microlearning. Fazer uma análise dos pontos que exigem maior atenção é fundamental para identificar falhas e trabalhar centrado nelas.

Selecionamos algumas dicas práticas para ajudá-lo a implementar o microlearning tanto na educação à distância como no treinamento empresarial com vistas ao desenvolvimento dos colaboradores. Veja quais são!

 

Descubra os pontos de melhoria

 

Inicialmente, faça uma avaliação dos aspectos que requerem mais atenção. Envolva os colaboradores nesse processo e os motivem à participação. Igualmente relevante é realizar uma pesquisa com as equipes para descobrir quais são os tipos de cursos e treinamentos que eles considerariam mais adequados.

 

Prepare o ambiente

 

A gestão deve aproveitar essa etapa de preparação como oportunidade para gerar interesse e motivação em relação ao treinamento. Esse momento é perfeito para promover a integração dentro da empresa. Explique para os colaboradores como os novos conteúdos de aprendizagem serão importantes para melhorar o desempenho deles.

 

Divida os conteúdos

 

Um curso em microlearning deve ter o conteúdo segmentado em pequenas partes. Essa é a marca dessa metodologia de ensino e, geralmente, é a arma mais poderosa para atrair o interesse devido ao menor tempo das aulas. Por isso, trabalhe com sessões de ensino de curta duração.

 

Utilize um bom suporte online

 

O sucesso de seu curso em microlearning depende de algumas variáveis. Um bom planejamento, organização e uma estrutura tecnológica de qualidade são imprescindíveis. Para a promoção do engajamento e o melhor aprendizado, o ideal é que o microlearning aconteça online. Por isso, contar com um suporte adequado é essencial.

Como você viu, o microlearning é um método de apresentação de conteúdos que possibilita muito mais qualidade e eficácia ao aprendizado. Com esse formato, é possível transmitir informações de forma rápida e com objetividade. Somado a isso, a flexibilidade e a mobilidade são diferenciais que tornam o microlearning uma tendência inovadora para as modalidades de treinamento corporativo e cursos EAD.

O que achou deste conteúdo? Teria alguma opinião diferente sobre o tema? Conte para nós: deixe seu comentário e participe de nosso artigo!

Você também pode gostar

Deixe um comentário