Transformação digital na área de T&D: Como se preparar?

 

Saiba em nosso conteúdo como se preparar para a transformação digital na área de T&D.

De tempos em tempos, todas as empresas precisam se adaptar a um novo mercado, especialmente com novas tecnologias sendo inseridas neste meio. O maior exemplo disso atualmente é a transformação digital, que possui um grande impacto em diversas áreas de trabalho. E estar à frente dessas mudanças é indispensável em qualquer organização.

Claro que, para que isso seja possível, sua equipe também precisa estar devidamente preparada antes que essas transformações aconteçam. Afinal, elas implicam em mudanças não apenas nas ferramentas e metodologias, mas também em diversas dinâmicas comuns dentro da empresa. E é seu dever como gestor investir em Treinamento e Desenvolvimento para facilitar essa transição.

Apesar disso, pode ser um pouco difícil preparar a área T&D para todas essas mudanças, especialmente se você ainda não entende o impacto que elas podem ter. O primeiro passo aqui é entender o que é a transformação digital e como ela pode te impactar. A partir disso, fica mais fácil promover mudanças efetivas.

Para te ajudar com isso, vamos explicar um pouco melhor o que é esse fenômeno e dar algumas dicas para adaptar o setor de T&D a essa nova realidade. Acompanhe.

 

Entenda o que é a transformação digital

 

O uso da tecnologia digital nas empresas não é nenhuma novidade. Já faz décadas que os computadores e a internet foram introduzidos nesse meio e facilitaram a execução de diversas tarefas. A transformação digital nada mais é que o próximo passo na inclusão da tecnologia nesse meio.

Primeiro, é bom esclarecer que não se trata de simplesmente adotar novas tecnologias e colocá-las como parte de seus processos atuais. Na verdade, ela representa uma mudança muito mais profunda na forma como você pensa seu negócio e seus processos. Mais do que auxiliar, a tecnologia é a base sobre a qual seu negócio é construído.

Vários novos elementos, como o autoatendimento digital, implementação de inteligências artificiais e Big Data, por exemplo, são indispensáveis nesse contexto. Da mesma forma, os seus treinamentos precisam ser repensados para se encaixar nessa realidade.

 

Conheça 5 dicas para a área de T&D se preparar para a transformação digital

 

Considerando os pontos acima, é fácil notar como essas transformações podem impactar seu dia a dia de trabalho. E para garantir que sua equipe continuará funcionando no futuro, você precisa investir em métodos de treinamento que facilitem esse processo.

Confira aqui 5 dicas que podem te ajudar:

 

1. Invista em ferramentas digitais de maior qualidade

 

Naturalmente, você não consegue se preparar para a transformação digital sem investir antes em ferramentas digitais. Possuir uma plataforma de treinamento online, por exemplo, é o básico para poder criar treinamentos que melhor se encaixem no tipo de dinâmica que o mercado atual promove.

Ao contrário do que alguns dizem, você não precisa adotar 100% das ferramentas disponíveis. Afinal, algumas delas são feitas para atender demandas específicas. Basta que você se concentre naquelas que melhor se encaixam em suas demandas.

Por fim, pense sempre em como você irá aplicar essas ferramentas em seus treinamentos. Pode ser interessante que a própria equipe de T&D faça uma capacitação externa antes de adicionar esses recursos a seu repertório.

 

Powered by Rock Convert

2. Desenvolva as habilidades do novo mercado

 

Mais do que uma alteração nas ferramentas ou metodologias, a transformação digital é uma mudança na filosofia de muitas empresas. Junto com isso, também vem mudanças nas exigências do público e, consequentemente, no tipo de colaborador que a empresa precisa.

Daí que vem o crescimento recente de algumas habilidades no ambiente de trabalho, as quais estão sendo cada vez mais valorizadas por clientes e contratantes. Alguns exemplos mais comuns são:

 

  • trabalho em equipe;
  • organização;
  • autogestão;
  • saber passar e receber feedback;
  • comunicação clara;
  • criatividade.

 

Muitas dessas características são indispensáveis para ter sucesso nesse novo mercado. E, ao contrário do que alguns acreditam, todas essas habilidades podem ser ensinadas e exercitadas no dia a dia de trabalho.

 

3. Foco em inovação e criatividade no dia a dia

 

Nem toda a tecnologia do mundo é suficiente para melhorar seus treinamentos se não houver um esforço ativo por parte das equipes internas em aplicá-la de forma mais efetiva. Como mencionamos logo acima, criatividade e inovação são características cada vez mais importantes para o sucesso de qualquer negócio.

Ao elaborar os programas de capacitação da empresa, é sempre uma boa ideia pensar em como incentivar a inovação no dia a dia, não apenas transmitir um conteúdo fechado que sua equipe deve reproduzir. Sem o devido incentivo, não será possível aproveitar a transformação digital corretamente.

 

4. Reavaliação frequente de processos e metas

 

Na prática, a transformação digital representa um conjunto de pequenas transformações que ocorrem constantemente dentro da empresa. Com a criação de novas metas, adoção de novas ferramentas e outros fatores externos afetando seu trabalho, é necessário estar sempre atento e reavaliar seu trabalho atual.

De tempos em tempos, é necessário reelaborar seu planejamento, estabelecendo novas metas e encontrando formas de otimizar seu trabalho. É essa mudança constante e bem direcionada que permite o fortalecimento do seu negócio diante desse novo cenário.

Nem todas essas mudanças precisam ser dramáticas. Uma vez que você se adapta a essa transformação, o mais importante é continuar promovendo o aprimoramento de seus métodos e fortalecendo seu negócio.

 

5. Use dados para orientar suas decisões e avaliações

 

Por fim, mas não menos importante, você precisa de dados sólidos para analisar seu progresso e garantir o melhor resultado. Uma avaliação subjetiva não é o ideal para promover uma transformação efetiva nem confirmar o nível de sucesso dos seus treinamentos.

Ferramentas como o Big Data são cada vez mais indispensáveis no cenário atual. Se você pode contar com uma quantidade maior de dados, a qual é bem organizada e direcionada, não é tão difícil comparar o desempenho ao longo do tempo e confirmar quais mudanças tiveram o efeito desejado.

Com essas dicas, você já tem uma ideia melhor de como adaptar a área de T&D à transformação digital. Essas mudanças são um processo, sendo o mais importante manter o ritmo e continuar investindo.

Quer mais dicas para dar os primeiros passos aqui? Então, confira nosso artigo sobre vídeo interativo de treinamentoagora mesmo.

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *