Entenda a relação entre UX e educação corporativa

 

Manter colaboradores engajados e comprometidos é, sem dúvidas, um grande desafio para as empresas. Por esse motivo, é fundamental contar com ferramentas que garantam treinamentos corporativos inovadores e eficientes. Mas um bom resultado não depende apenas dos recursos utilizados em um curso à distância, por exemplo.

Tudo está ligado à experiência do usuário, um termo representado pela sigla UX. Na educação corporativa, ela é um dos principais pilares que fazem com que vídeos, webséries e outras interfaces digitais envolvam de verdade seu público. Mas seu significado não se restringe somente a essas questões, especialmente na prática.

Que tal entender melhor a relação entre UX e educação corporativa? Neste artigo, você encontra um apanhado completo a respeito desse assunto e descobre como implementá-lo em seus projetos de aprendizagem e capacitação. Venha conferir!

 

O que é UX e qual sua importância?

 

User Experience ou UX é um termo criado pelo vice-presidente de tecnologia da Apple, Donald Norman. Desde 1993, várias técnicas têm sido desenvolvidas e aperfeiçoadas para chegar ao conceito que conhecemos hoje, que, por sua vez, se apoia em três características principais: utilidade, facilidade de uso e prazer.

Isso porque, quando um consumidor usa um produto, tem vivências e sentimentos ligados à experiência que teve com ele. E isso determina como se sente a respeito da marca e até mesmo do consumo de modo geral. A partir disso, ele decidirá se quer continuar a tê-la em seu cotidiano ou não.

Na internet, a aplicação é a mesma. Um site ou plataforma que permite uma navegação precisa e agradável é fundamental para que o usuário se sinta confortável em continuar a absorver aquelas informações, ou para simplesmente fechar a janela e fazer uma nova busca.

 

Qual é a principal relação entre UX e educação corporativa?

 

Dito isso, é possível afirmar que a relação entre UX e educação corporativa é bastante estreita. A começar pelas áreas englobadas pela experiência do usuário: design, arquitetura da informação, interatividade, usabilidade, pesquisa de usuário e estratégia de conteúdo.

Em um treinamento corporativo, o objetivo é que os colaboradores tenham uma aprendizagem satisfatória por meio de todos esses pontos tão importantes. Depois do planejamento de conteúdo, não basta apenas disponibilizá-lo de qualquer forma: é essencial torná-lo aderente a eles para que a experiência, afinal, seja positiva.

Se a empresa não se atenta para a questão, dificilmente o treinamento terá o sucesso esperado. A plataforma, a ferramenta e os recursos utilizados devem ser adequados para seu público, e até mesmo estarem de acordo com a cultura organizacional da empresa, para que quem acessa se sinta à vontade em navegar por ali.

 

Como promover uma boa experiência para colaboradores?

 

A experiência corporativa do usuário depende de alguns fatores fundamentais para ser satisfatória, e é preciso investir em cada um deles de maneira completa para que o engajamento aconteça de forma natural, mas sem demora. Veja só quais são:

 

Trabalhar o branding

 

É primordial trabalhar o branding de modo a garantir uma boa experiência para colaboradores. Eles precisam perceber que o conteúdo, a plataforma e a funcionalidade daquele programa de treinamento estão alinhados com as propostas internas da empresa.=

Ou seja, ele precisa ter a certeza de que o que ele aprende ali tem aplicabilidade real em seu dia a dia, de modo a ajudá-lo a crescer profissionalmente e ainda alavancar o negócio.

Powered by Rock Convert

 

Garantir um bom suporte

 

É claro que imprevistos acontecem e isso é totalmente natural. Porém, em uma plataforma online para treinamentos, é muito importante evitar qualquer desgaste que interfira na experiência do colaborador.

Se ele tem dificuldades para acessar ou se o conteúdo não está disponível conforme o prometido, isso já contará pontos negativos que podem até mesmo atrapalhar o aprendizado. É indispensável contar com um bom suporte para evitar esse tipo de transtorno e para tornar qualquer adaptação mais fácil e simples.

 

Personalizar o ensino

 

O ensino também deve ser personalizado. Não somente de acordo com o nicho de colaboradores ao qual ele é destinado, mas também com suas funções, assunto abordado e com a própria assinatura da empresa.

É como se fosse uma padronização, até porque outras unidades poderão utilizar o mesmo programa de treinamento simultaneamente ou em momentos diferentes, de acordo com o planejamento realizado.

 

Qual é o impacto causado para experiência do usuário em um programa de educação corporativa?

 

Quando a experiência do usuário é positiva, ela traz alguns impactos positivos. Tanto para o colaborador, que tem uma boa absorção do conteúdo, quanto para a empresa, que passa a colher resultados da aplicação na prática daquilo que foi aprendido. E aqui estão os principais:

 

Credibilidade no conteúdo

 

Um conteúdo bem desenvolvido e acessível diminui os obstáculos dos espectadores de um curso ou treinamento à distância. Quanto mais facilidade e tranquilidade ele tem para concluir o programa, mais credibilidade a empresa passa com essa metodologia e mais usuários conquista, já que a adaptação ao uso é fácil e rápida.

 

Engajamento do usuário

 

UX e educação corporativa caminham juntos porque precisam gerar engajamento. Quando a experiência é satisfatória, o usuário passa horas navegando e explorando as funcionalidades do programa de treinamento. Ou seja, aprende mais, domina mais e apresenta resultados cada vez melhores. O aprendizado não termina quando o curso termina, mas pode ser estendido para ações posteriores de reforço a atualizações.

 

Acessibilidade para todos os públicos

 

A educação corporativa precisa se adaptar a diferentes perfis e gerações de colaboradores. E a principal preocupação da UX é justamente tornar esse conteúdo não somente de fácil entendimento, mas também de fácil utilização, inclusive por dispositivos móveis.

Por fim, não se esqueça: UX e educação corporativa são alinhadas por meio de testes. Uma empresa especializada pode ajudar nessa etapa, que deve ter uma observação detalhada e depende de muita pesquisa. Um olhar direcionado pode encontrar empecilhos nos mínimos detalhes e conseguirá apresentar soluções para que a plataforma, projeto ou programa de treinamento seja livre de dificuldades para o usuário.

A EADSKILL está preparada para ajudar em todo esse processo e muito mais. Se pretende implementar uma solução em treinamento digital em sua empresa, é hora de entrar em contato conosco e descobrir o que temos para você!

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *