E learning, tudo o que você precisa saber sobre o assunto

 

O e-learning corporativo tem se popularizado bastante nos últimos anos — e não à toa. Essa modalidade de ensino ajuda cada vez mais empresas a capacitar e desenvolver seus colaboradores, impulsionando os resultados dos treinamentos por meio da aprendizagem à distância, com a web.

Quer entender melhor como isso funciona? Neste post, veremos o que é e como funciona o e-learning, além de descobrir como ele tem impactado nos treinamentos corporativos e como você pode implementá-lo em sua empresa. Acompanhe!

 

O que é e-learning?

 

Basicamente, trata-se do processo de ensino-aprendizagem no qual tutores e usuários estão separados espacial e/ou temporalmente, conectando-se de alguma outra forma por meio da internet. Assim, esse método faz com que o espaço e o tempo não sejam fatores limitantes para a aprendizagem.

Quando a ideia de ensino a distância surgiu, essa conexão era feita por meio de correspondências. Pouco depois, televisões e rádios também passaram a transmitir cursos, incrementando o processo. Mas foi o surgimento da internet que transformou e ampliou esse cenário da educação a distância (EAD), com o desenvolvimento e a implementação de sistemas de ensino on-line.

Hoje, o e-learning pode ser feito de forma síncrona — em que os treinamentos acontecem em tempo real, com interação por meio de chats, áudios ou vídeos — ou assíncrona (gravada). Nesse caso, os cursos podem ser acessados a qualquer momento, e a interação é feita pelos fóruns, e-mails e chats.

De todo modo, suas principais características são:

 

  • interatividade;
  • conteúdo disponível on-line;
  • feedback automático das atividades;
  • gerenciamento de ensino por meio de ferramentas específicas.

 

Quais são os seus tipos?

 

De modo geral, o mercado apresenta duas vertentes de e-learning, considerando o seu uso e finalidade. Veja, abaixo, quais são elas.

 

Educacional

 

O e-learning educacional é o mais conhecido no mercado, pois é amplamente utilizado por diversos segmentos e tem crescido bastante. Geralmente, seus cursos são voltados para a aprendizagem individual.

Segundo o Censo de Ensino Superior de 2017, cerca de 1,07 milhão de brasileiros se matriculou em cursos de ensino superior a distância. E o volume de ingressos em 2017 teve um aumento significativo nessa modalidade, uma variação de 27,3% em comparação com o ano anterior.

 

Corporativo

 

O e-learning corporativo é focado no ambiente empresarial. Geralmente, ele é dividido em duas categorias: treinamento e desenvolvimento profissional. O primeiro diz respeito à preparação do colaborador, para que ele se torne apto para realizar determinada atividade ou cargo.

Já o segundo se refere ao aperfeiçoamento (comportamental ou técnico) desse funcionário. De todo modo, o e-learning corporativo é realizado por meio da integração do setor de recursos humanos aos demais, de modo que as competências e habilidades individuais estejam sempre alinhadas aos objetivos da organização.

 

Como o e-learning funciona?

 

Como dissemos, essa modalidade funciona por meio de plataformas que suportam a criação de cursos on-line, como a LMS (Learning Management System) ou sistema de gestão de aprendizagem. Por meio delas é possível simular uma verdadeira sala de aula, replicando o ambiente ideal para aprendizagem. A seguir, vejamos quais características fazem isso ser possível.

 

Personalização

 

A possibilidade de customização do curso a distância transforma o aprendizado em uma experiência direcionada, capaz de estimular o usuário a permanecer na plataforma e, assim, concluir suas tarefas.

 

Interatividade

 

Outra característica marcante dos cursos EAD é a interatividade, que visa suprir a ausência física do gestor ou tutor. Quanto a isso, são diversas as maneiras para que estes e os alunos possam interagir entre si, como chats, mensagens diretas ou fóruns.

 

Acompanhamento completo

 

O LMS conta com ferramentas de acompanhamento para que o gestor ou tutor tenha total controle sobre o andamento das atividades realizadas pelos seus alunos. Assim, ele pode conferir a evolução de cada um, individualmente, ou separá-los em turmas específicas.

 

Avaliações inteligentes

 

Para avaliar o aprendizado do usuário, o responsável pelo curso também tem acesso a vários métodos que fogem do tradicional e otimizam o processo. Se um aluno tiver de refazer uma avaliação, por exemplo, o próprio sistema gera questões diferentes, evitando que ele repita a mesma prova.

 

Materiais extras

 

Outra funcionalidade bastante útil é a possibilidade de anexar materiais extras às aulas com facilidade. Assim, o tutor consegue disponibilizar arquivos em PDF ou vídeos, por exemplo, para ajudar a fixação do conteúdo e complementar o treinamento.

 

Múltiplos cursos

 

Se você deseja ofertar treinamentos com conteúdos diferentes para atender as necessidades de aprendizagem de sua equipe, o LMS oferece ainda a possibilidade de criar múltiplos cursos em uma única plataforma, ou mesmo separar os funcionários dentro de uma mesma turma, de acordo com os seus conhecimentos.

 

Por que essa modalidade se tornou uma tendência no mundo corporativo?

 

As empresas que investem em seus colaboradores têm se preocupado cada vez mais com o desenvolvimento e capacitação de seu capital humano. E, para elas, o e-learning pode ser um grande aliado na educação corporativa.

Nos moldes tradicionais de ensino a distância, a transmissão de conhecimento para solucionar problemas específicos em treinamentos de funcionários dispersos geograficamente demandava muito tempo e recursos. Mas, graças à valorização da tecnologia e da web, surgiram melhorias significativas nesse sentido.

Hoje, o e-learning incorpora diversas técnicas para desenvolver competências e habilidades por meio da colaboração entre todos os envolvidos. Superando dificuldades com deslocamento e comportando um grande número de funcionários, essa metodologia de ensino se tornou uma tendência de treinamento, aprendizagem e formação continuada no mundo corporativo.

Por tudo isso, o e-learning já é uma realidade para muitas empresas. E ainda tem um grande potencial de crescimento, visto que está alinhado ao novo perfil de trabalhador e à realidade atual dos treinamentos corporativos.

 

Quais são os benefícios de investir no e-learning a minha empresa?

 

Se você ainda está em dúvida sobre o potencial dessa modalidade de ensino, em comparação aos cursos presenciais tradicionais, confira a seguir os seus principais benefícios.

Agilidade e flexibilidade no aprendizado

 

O primeiro benefício é que essa modalidade oferece uma estrutura que possibilita a adaptabilidade e a flexibilidade da aprendizagem — ou seja, permite que o profissional escolha a hora e o local onde realizará as atividades propostas, o que acelera a aquisição de conhecimentos.

Além disso, o e-learning está disponível com mais facilidade e o seu conteúdo pode ser atualizado constantemente. Assim, a empresa consegue garantir acesso sempre que houver uma necessidade de treinamento.

 

Economia de tempo e cursos

 

Os treinamentos on-line permitem uma otimização considerável de tempo, justamente porque o colaborador pode gerenciar a realização das atividades da forma que achar melhor, sem prejudicar a sua rotina de trabalho e nem diminuir a produtividade da organização.

Por outro lado, como os trabalhadores e gestores não precisam se deslocar para realizar os treinamentos, não haverá custos com hospedagem, alimentação e transporte. Nem com materiais impressos, e muito menos com a construção ou manutenção de uma infraestrutura para treinamentos.

 

Maior satisfação e engajamento

 

Todo bom gestor sabe que funcionários mais motivados tendem a se engajar mais nos treinamentos. Por isso, é muito importante inovar na forma como os conhecimentos são transmitidos.

Como suporta diversos formatos de conteúdo — como vídeos, imagens, textos, livros digitais, podcasts, entre outros — o ensino corporativo a distância garante uma diversificação que torna a aprendizagem menos cansativa. Assim, o engajamento maior se refletirá diretamente na absorção do conteúdo para a realização de suas funções. E, consequentemente, no aumento de produtividade.

 

Gestão do conhecimento

 

Só é possível melhorar aquilo que se pode medir, certo? Pois, com o e-learning, você tem a possibilidade de acompanhar de perto os resultados. Graças à emissão de relatórios precisos, é possível encontrar erros ou possíveis melhorias e, assim, implementar ações mais direcionadas às necessidades da equipe.

 

De que forma o e-learning pode ser usado em uma empresa?

 

De fato, as aplicações dessa modalidade de ensino e treinamento podem ser muito diversificadas: disponibilizar informações estratégicas que serão acessadas sempre que for necessário, transmitir a cultura da empresa, integrar os funcionários, mantê-los atualizados conforme as tendências de mercado etc.

Seja como for, existem atualmente diferentes formatos que podem ser usados nos treinamentos on-line. Vejamos, então, quais são as soluções de e-learning que você pode aplicar à sua empresa.

 

Gamificação

 

Grosso modo, a gamificação utiliza elementos de jogos virtuais para tornar a experiência dos colaboradores mais prazerosa, dinâmica e atrativa. Alguns exemplos são o uso de personagens, bônus e prêmios por meta alcançada e níveis crescentes de dificuldade.

 

Rapid learning

 

O método do rapid learning busca, como o nome diz, uma agilidade na aprendizagem. Ele é similar ao das apresentações de PowerPoint, em que os materiais são divididos em capítulos menores — mas isso não significa que os assuntos serão abordados de maneira superficial. É preciso criar aqui uma sequência lógica e completa, ainda que ágil.

 

Aprendizagem móvel

 

O treinamento do mobile learning (como também é chamada a aprendizagem móvel) funciona por meio de plataformas de ensino on-line em dispositivos móveis, como tablets e smartfones. Nesse caso, é possível desenvolver diversos formatos: aplicativos, vídeos, e-books e até a gamificação.

 

Microlearning

 

O microlearning consiste em dividir as informações em partes pequenas, concisas e claras. Assim, os cursos são mais focados e têm lições que demandam menos tempo de aprendizado.

 

Como garantir uma boa implementação do e-learning?

 

Planejamento

 

Essa é uma das etapas mais importantes, pois é nela que você deve realizar o levantamento das necessidades de aprendizagem das suas equipes, de acordo com o perfil dos profissionais. Também, é preciso traçar os objetivos e metas a serem avaliadas — como, por exemplo, aumentar a performance do time comercial.

 

Escolha da plataforma

 

A próxima etapa é escolher uma plataforma LMS que atenda, de fato, as suas expectativas. Existem hoje muitas opções no mercado, por isso, é fundamental pesquisar bem e optar uma empresa especializada, com experiência real no assunto. (Veremos mais sobre isso no próximo tópico).

 

Produção de conteúdo

 

A escolha e o desenvolvimento dos materiais, bem como as fontes e as formas de entregar o conteúdo devem fazer parte dessa etapa. Eles devem ter uma linguagem e tom que esteja de acordo com o perfil dos trabalhadores, para facilitar a assimilação das informações. Portanto, pense bem nos temas, na gravação e na edição de vídeos, na definição dos responsáveis, dentre outros.

 

Divulgação

 

Outro ponto importante é a divulgação do curso. Os funcionários devem compreender a importância de participar ativamente do treinamento, então, escolha os melhores canais de comunicação e explique a eles como a plataforma funciona, quando ela estará disponível, quem será o tutor e quaisquer outras informações que sejam relevantes.

 

Acompanhamento dos resultados

 

Por fim, essa é uma etapa deve realizada constantemente, desde que o curso estiver liberado até o seu fechamento. Para isso, as principais métricas de treinamentos são: absenteísmo, horas e participações, satisfação, investimento e desempenho. Acompanhe todas elas e guarde os seus dados, pois isso servirá de base para o desenvolvimento de outros treinamentos no futuro.

 

Como escolher a melhor plataforma de e-learning?

 

Na hora de escolher a plataforma EAD para hospedar os seus cursos corporativos, você deve estar atento a alguns detalhes importantes. O primeiro ponto é estudar os fornecedores de softwares do mercado: verifique com os clientes atuais e antigos se a empresa garante mesmo a estabilidade do sistema, suporte e atualizações.

Em seguida, solicite um teste para se certificar de que a interface da plataforma é de fácil manuseio. Isso é importante para garantir uma boa experiência tanto aos usuários quanto aos tutores. Analise, inclusive, a compatibilidade com os principais navegadores e dispositivos móveis.

Lembre-se também de verificar a segurança do software. Confira com o fornecedor onde ficam localizados os servidores de hospedagem e se existe uma rotina de backup, planos de contingência e uma estrutura escalável. Cheque também se é feita a criptografia dos dados e se há um controle de autenticidade.

Ainda outro ponto essencial é analisar as funcionalidades que a plataforma LMS oferece, tais como processos automáticos, chats para atendimento, fóruns de discussão, sistemas de pesquisa de feedback, sistemas de notificações e mensagens. Tudo isso será importante para o seu uso e implementação na empresa.

Por fim, faça o levantamento dos investimentos. Analise a relação entre custo e benefício, avaliando qual é o fator utilizado para determinar o preço do serviço, como quantidade de usuários ou espaço em disco.

Como vimos, toda essa evolução tecnológica transformou o ensino com a implementação de uma nova metodologia, o e-learning. Por mais que seja recente, ele já tem sido amplamente utilizado pelas empresas para treinar os funcionários. Então, agora que você já sabe tudo sobre o assunto, comece a planejar os seus treinamentos corporativos! Só não se esqueça de conferir as nossas dicas na hora de escolher o fornecedor de software LMS.

Gostou deste artigo? Aproveite a visita para assinar a nossa newsletter! Assim você receberá todas as nossas próximas atualizações diretamente na sua caixa de entrada.

 

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *